Cobertura

O papel da atividade física no retorno às aulas presenciais

Documento produzido pelo Impulsiona e Instituto Trevo ajuda professores a acolherem e movimentarem alunos no retorno às aulas

Depois de quase seis meses com as portas fechadas, pouco a pouco as escolas brasileiras voltam à atividade. É uma grande mistura de sentimentos. Ao mesmo tempo em que sentimos saudades dos colegas, das salas de aula, quadras e corredores, temos insegurança sobre o que é recomendado ou não fazer em tempos de pandemia.

Uma coisa é certa: após tanto tempo parados em casa, é essencial “sacudir o esqueleto”. A atividade física pode colaborar muito com a saúde da mente e do corpo nesse tão esperado reencontro com a escola.

Mas como incentivar o movimento entre os alunos de forma segura? Que esportes é possível praticar? Como o professor deve atuar nesse momento? São muitas dúvidas! Para ajudar um pouco nessa etapa, o Impulsiona e o Instituto Trevo reuniram um grupo de especialistas em educação e saúde e produziu uma nota técnica para professores de todos os segmentos.

Nesta página, você vai ter acesso gratuito a esse documento, cheio de orientações e dicas de como incentivar a atividade física na reabertura das escolas.

O PAPEL DA ATIVIDADE FÍSICA NO RETORNO ÀS AULAS PRESENCIAIS

Para quem é o documento?

Em primeiro lugar, professores. O documento vai auxiliá-los na complexa tarefa de receber e cuidar da mente e corpo dos alunos na volta às aulas. Em especial, o profissional de Educação Física vai entender o importante papel que possui nesse processo.

Para além dos professores, todos os agentes envolvidos na comunidade escolar podem utilizar o material. Coordenadores pedagógicos e diretores, por exemplo, vão encontrar orientações valiosas feitas por especialistas.

Por último, secretarias de educação podem distribuir o documento para as suas escolas como parte do planejamento de retorno às atividades presenciais.

Quais são os temas abordados no documento?

São seis temas principais:

– Como comunicar medidas preventivas

– Como acolher os alunos e resgatar os vínculos

– Como higienizar e descontaminar os espaços da escola

– Medidas de proteção individual e coletivas

– Sugestões de atividades físicas com segurança

– O papel do professor de Educação Física no processo

Todo o conteúdo é redigido de forma simples e direta, para facilitar o entendimento e agilizar a aplicação das boas práticas.

Essas sugestões são verdades absolutas?

De forma alguma! O documento será atualizado sempre que as autoridades de saúde pública derem novas diretrizes. Respeite sempre as orientações da sua escola, prefeitura e estado, e aproveite esse documento como um material complementar às regras locais.

 CLIQUE AQUI E FAÇA O DOWNLOAD

 

Deixe um comentário

avatar
  Inscrever-se  
Notificação