Cobertura

Professora do interior de SP transforma aulas de educação física com novos esportes

Com ajuda dos cursos e conteúdos do Impulsiona, Luciane Cristina Nunes está movimentando a comunidade escolar e motivando os alunos

Motivação é um ingrediente essencial para promover transformação e entusiasmar os alunos nas aulas de educação física. E motivação é o que não falta para a professora Luciane Cristina Nunes. Em pouco tempo de conversa, ficou fácil sentir o prazer que ela tem ao contar como aplica e ensina novas modalidade esportivas para seus alunos da Escola Municipal Prof. Roque Ayres de Oliveira, em Iperó, interior de São Paulo.

Com muita pesquisa e uma ajudinha do Impulsiona Educação Esportiva, Luciane monta com frequência planos de aula diversificados, que promovem inclusão e deixam as aulas mais divertidas. Segundo ela, ninguém fica de fora, todos querem participar, e a professora ainda aproveita para trabalhar importantes habilidades com suas turmas.

“O esporte tem a questão dos valores. Você ensina não só respeitar as regras, mas também os adversários. Você tem a empatia, se colocar no lugar do outro, aprender a perder e a ganhar. São uma série de coisas que rolam no esporte. Não é só aprender a jogar ou saber a técnica. Tem algo mais! Tem a parte cognitiva, tem a parte de competências socioemocionais. Tem esse leque para você trabalhar. E os alunos aderem bem!”

Luciane descobriu o Impulsiona pelas redes sociais e no ano passado usou o curso de tênis para auxiliar no planejamento. Do trabalho com petecas surgiu a ideia de montar raquetes e unir as duas atividades. A empolgação dos alunos foi recompensadora, e a professora não parou por aí, continuou realizando diversos cursos e aproveitando os conteúdos pedagógicos do programa. De acordo com ela, os cursos ajudam nos planos de aula e impulsionam não só seu trabalho, como o aprendizado dos alunos, principalmente quando eles colocam a mão na massa.

“Você vê a diferença quando eles fazem o material. Parece que é mais gratificante, e o aprendizado é maior do que eu ir lá dar uma raquete ou uma bola que eles vão simplesmente usar. O Impulsiona me ajuda com esses materiais alternativos que temos que ter, e infelizmente não são todas as escolas que dispõe dos materiais que precisamos na área da Educação Física.”

alunos-piramidi-ginástica-artística

Pirâmide humana baseada no curso de Ginástica Artística

Um das estratégias de Luciane para promover o esporte dentro da sua comunidade escolar é realizar atividades com professores de outras disciplinas. Ela montou um trabalho com folclore e uniu a educação física a outras matérias como artes, português e matemática. Toda a escola está se mobilizando para trabalhar o tema “Folclores Brasileiros”.

Falar sobre as competências socioemocionais é outra missão da professora. Segundo Luciane, trabalhar os valores do esporte sempre foi algo natural, mas agora ela quer que os alunos entendam o que isso significa.

“Eles vão observar determinados vídeos que abraçam o esporte e falam de determinação, disciplina, etc. Eu vou apresentar para eles e vou pedir para eles observarem se enxergam os valores que estão sendo transmitidos naquelas imagens. E também para eles analisarem no dia a dia deles, não só dentro da escola, como fora. É um trabalho que eles vão desenvolver em cima do curso que eu fiz sobre competências socioemocionais.”

meninas-luta-olimpica-educacao-fisica

Meninas na aula de Educação Física baseada no conteúdo de Luta Olímpica

Depois de ler essa história inspiradora e conhecer o trabalho da professora Luciane, que tal seguir os seus passos e também se motivar com os cursos do Impulsiona? Dê uma olhada nos nossos conteúdos e mobilize sua comunidade escolar com temas divertidos e atrativos! Assim como Luciane, faça parte do #TimeImpulsiona.

Deixe seu comentário

0 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *