Cobertura

7 atitudes que inibem o desenvolvimento do protagonismo juvenil

Confira sete posturas assumidas ao trabalhar com jovens que podem prejudicar o desenvolvimento do protagonismo juvenil

Quando um jovem se envolve na solução de problema reais, atuando como fonte de iniciativa, liberdade e compromisso, temos diante de nós um quadro de participação genuína no contexto escolar. É esse tipo de atitude que chamamos de protagonismo juvenil.

A palavra protagonismo é formada por duas raízes gregas: proto, que significa “o primeiro, o principal”; agon, que significa “luta”. Agonistes, por sua vez, significa “lutador”. Protagonista é o mesmo que lutador principal, personagem principal ou ator principal.

Um dos caminhos para estimular o protagonismo nas escolas é entender os adolescentes e analisar as formas de agir em relação a eles. O jovem deve ser visto como solução e não como problema. É imprescindível que a participação do adolescente seja de fato autêntica e não simbólica ou manipulada.

Essas, na verdade, são formas de não-participação e podem causar danos ao desenvolvimento pessoal e social, além de minar a possibilidade de um convívio autêntico entre os alunos e seus educadores.

O educador não deve limitar-se à docência. Mais do que ministrar aulas, deve atuar como líder, organizador, animador, facilitador, criador e co-criador de acontecimentos por meio dos quais o educando possa desenvolver uma ação de protagonismo na escola. Além de um compromisso ético, a opção pelo desenvolvimento de propostas baseadas no protagonismo juvenil demanda do educador uma clara vontade política no sentido de contribuir para a construção de uma sociedade que respeite a cidadania e aumente os níveis de participação democrática. Para que isso ocorra, o professor deve evitar posturas que inibam a participação plena dos jovens.

Confira sete posturas assumidas ao trabalhar com jovens que podem prejudicar o desenvolvimento do protagonismo juvenil:

  • Anunciar decisões já tomadas, reservando aos jovens apenas o dever de acatar;
  • Decidir previamente e depois tentar convencer o grupo a assumir a decisão tomada pelo educador, como se fora sua própria decisão;
  • Apresentar uma proposta de decisão e convocar o grupo para discuti-la;
  • O professor apresenta o problema, colhe sugestão dos jovens e depois decide;
  • O educador apresenta o problema, colhe sugestões e decide com o auxílio do grupo;
  • O professor estabelece os limites de determinada situação e solicita aos adolescentes que tomem decisões dentro desses limites;
  • Deixar a decisão a cargo do grupo, sem interferir no processo que a originou.

Agora que você já viu o que não se deve fazer ao estimular o protagonismo juvenil, que tal desenvolver um projeto com os alunos da sua escola?

E quer saber a melhor parte?  O Impulsiona Educação Esportiva pode te ajudar nisso. No curso Incentivando o Protagonismo Juvenil auxiliamos educadores a usar o esporte como ferramenta para estimular a liderança dos jovens. Com nosso conteúdo você fica por dentro de atividades que vão instigar as crianças nas aulas e pode mudar a realidade de muitas delas.

55
Deixe um comentário

avatar
52 Todas os comentários
3 Todas as respostas
0 Seguidores
 
Comentário com mais reações
Resposta com mais engajamento
  Inscrever-se  
Mais novos Mais antigos Mais votados
Notificação
Marxilione
Visitante
Marxilione

Excelente iniciativa, não podemos esquecer dos 4 pilares

Marxilione
Visitante
Marxilione

Excelente , e bom sempre lembrar do 4 pilares

Marta Mencacci
Visitante
Marta Mencacci

Excelente Incentiv Sou mediadora e professora de Educacao Fisica e acedito ser de grande valia esse projeto dentro de nossas escolas

MARINHO JOSÉ DE FREITAS
Visitante
MARINHO JOSÉ DE FREITAS

O Educador jamais deve se limitar na sua docência, além de ministrar aulas, deve ser o mediador e orientador, facilitador das ações na aprendizagem para que o protagonismo se concretize e desenvolva as habilidades necessárias.

JOAO RODRIGUES BATATA NETO
Visitante
JOAO RODRIGUES BATATA NETO

A pratica esportiva deve ser voltada para o desenvolvimento dos aspectos cognitivos, psicomotores, afetivos morais e sociais, ou seja, o Professor deve deixar a parte de técnico desportivo e atuar como um verdadeiro educador incentivando assim o Protagonismo Juvenil.

Claudia
Visitante
Claudia

Os clubes voltados para o esporte funcionam muito bem e ajuda os jovens desenvolverem o protagonismo.

lucimar
Visitante
lucimar

responsabilidade é tudo.

Silmara
Visitante
Silmara

O curso está ajudando muito!

Valdenice
Visitante
Valdenice

O importante é a voz do estudante, sua participação , suas idéias é parte principal do protagonismo .

Soliani Rodrigues de Magalhães
Visitante
Soliani Rodrigues de Magalhães

Acredito ser esse o meu primeiro desafio “trabalhar a autonomia do aluno”, pois, eles estão acostumados a criar dentro de um projeto já pré estabelecido.

Leila Lima
Visitante
Leila Lima

Estou iniciando como gestora na PEI. Esse ano está bem difícil, principalmente porque não tivemos os acolhedores no processo, acredito que o auxílio deles seria fundamental. Ainda não iniciamos os clubes, o curso está ajudando muito a etapa de preparação para a formação dos mesmos.

Silene
Visitante
Silene

Leila, muita força a você na gestão! Tenha a certeza de que esse período turbulento vai passar…

Luciane
Visitante
Luciane

Pretendo a partir de agora sugerir aos alunos a busca por melhorias, a busca por mudanças nos aspectos que lhes causam certo desconforto dentro do ambiente escolar. Melhorar e buscar parcerias que acolham suas ideias. Muito bem explicado o Protagonismo… Não tinha muita ideia de como trabalhar. O professor tem papel de mediar o processo… muito interessante!

Ana Heloisa dos S. de Oliveira
Visitante
Ana Heloisa dos S. de Oliveira

Informações de extrema importância para o nosso trabalho.

Lúcia
Visitante
Lúcia

A autonomia dada ao aluno, aguça a criatividade e gera responsbilide.

Silmara
Visitante
Silmara

Concordo com os sete erros que impedem o protagonismo juvenil. Temos que tomar cuidado.

MARVI PETTERSEN
Visitante
MARVI PETTERSEN

O papel do professor é de simplesmente mostrar o caminho e dos nossos alunos é trilhar este caminho e construir ao longo dele seus ideais para que tenham a capacidade de tomar decisões por si mesmos.

Amanda Francine Duarte
Visitante
Amanda Francine Duarte

Essas atitudes são importantes para todas as áreas

Joseli
Visitante
Joseli

Estamos sempre aprendendo!

Marilene
Visitante
Marilene

Parceria e responsabilidade.

Márcia
Visitante
Márcia

Deixar com que o jovem passe a ter responsabilidade e criatividade, não deixando nossas experiências de Vida interferir no Aprendizado e sim encorajá-los a crescer.

claudinice
Visitante
claudinice

tenho certeza de que o esposrte faz bem não somente para o adolescente , mas para todas as idades, principalmente na velhice “terceira idade”, eu diria se um remédio tanto parao corpo quanto para amente e cerebro, poiis ativa todas as funcções.Temos que incentivas práticas desportivas sempre

Edelcio Moro
Visitante
Edelcio Moro

Concordo com o Protagonismo Juvenil

perla.bithencourt@gmail .com
Visitante
perla.bithencourt@gmail .com

responsabilidades .

Marcia Garcia Trindade Brandão Pereira
Visitante
Marcia Garcia Trindade Brandão Pereira

Também concordo que as sete posturas podem prejudicar muito o desenvolvimento no âmbito escolar. É sempre muito importante ouvir a opinião dos estudantes , para que eles sintam -se importantes e participativos em todo momento, fazendo com que tenham mais interesse na sua disciplina!

Alessandra
Visitante
Alessandra

Trabalho com Grêmios Estudantis e esse material é muito rico para a formação do protagonismo dos estudantes dentro da Unidade Escolar

Suzana
Visitante
Suzana

Informações de extrema importância para os educadores. Ser professor é ser um eterno aprendiz.

Francisco José de Andrade
Visitante
Francisco José de Andrade

Não podemos nos arriscar, quando se trata de protagonismo, impondo decisões sem a participação do grupo de esudantes.

Ana Aparecida Pereira Gonçalves
Visitante
Ana Aparecida Pereira Gonçalves

já trabalhei projetos na sala de leitura na Sala de leitura. Fui referência do meu trabalho de professora protagonista e o resultado com os jovens. Amava o meu trabalho. Concordo com os erros mencionados acima. Devemos ser mediadores no processo de ensino aprendizagem, proporcionar ao aluno a oportunidade de desenvolver seu potencial e perceber que aprendem muito mais quando se apropriam dos 5 pilares da educação. O professor como observador e orientador, fazer o aluno pensar suas ações, sua participação, seus erros e acertos e se avaliar como participante daquele projeto. O que aprendeu e o que precisa mudar, e… Read more »

floriza soares godinho
Visitante
floriza soares godinho

Praticando uma dessas 7 atitudes não só estaremos prejudicando o aluno não buscar informações e trabalhar com a teoria e a prática do projeto, ensinar eles a tomar atitudes e decisões na hora certa pra dar continuidade ao trabalho. Como estaremos desestimulando o Protagonismo, e ele simplesmente não terá o conceito do que é ser realmente um Protagonista. e na vivência futura irá precisar praticar o protagonismo.

Anomar Tiburcio de Paula
Visitante
Anomar Tiburcio de Paula

É de muita importância que os educadores tenham conhecimento deste conteúdo, para repensar as suas praticas em relação ao desenvolvimento dos educandos.

Luzia de Fátima Alves Pagliarini
Visitante
Luzia de Fátima Alves Pagliarini

Excelente abordagem as 7 posturas apresentadas, pois demonstram claramente que as decisões para incentivar o Protagonismo Juvenil, não devem partir do professor, mas do próprio aluno.

Ailson Teixeira Lopes
Visitante
Ailson Teixeira Lopes

Sempre é bom lembrar dos 4 pilares da educação…Dessa forma a construção da autonomia de uma pessoa ou de nossos alunos precisa ser de forma consciente e com pertencimento.

Aparecido José dos Santos
Visitante
Aparecido José dos Santos

no contexto dos Clubes Juvenis a atuação do professor como protagonista sênior é imprescíndivel

Clélia Strazza S Aguiar
Visitante
Clélia Strazza S Aguiar

Um dos caminhos para estimular o protagonismo nas escolas é entender os adolescentes e analisar as formas de agir em relação a eles. O estudante deve ser visto como solução e não como problema. O professor deve atuar como líder, organizador, animador, facilitador, por meio dos quais o educando possa desenvolver uma ação de protagonismo na escola.

Leila Lima
Visitante
Leila Lima

Muito importante a apresentação das que dificultam as posturas para o desenvolvimento do Protagonismo. Confesso que como diretora iniciante no PEI, já assumi algumas destas posturas acreditando que estava contribuindo. Estarei bem mais atenta nas próximos encontros e orientações com os estudantes.

Luiz Antonio Avanzini
Visitante
Luiz Antonio Avanzini

É ótimo

Luciana Freitas
Visitante
Luciana Freitas

maravilhoso.

Monica De Lima Mascarenha
Visitante
Monica De Lima Mascarenha

Concordo plenamente com as 7 postural que podem prejudicar o aluno. Quando mais deixamos a aluno participar de todos os projetos da escola, mais mostramos pra ele o quanto importante é para o desenvolvimento da escola

MARCIA DE MOURA
Visitante
MARCIA DE MOURA

O educador deve orientar e não determinar

EVETE BIGOTTO CARON
Visitante
EVETE BIGOTTO CARON

concordo plenamente ,pois quando o aluno é o protagonista ele aprende mais, e tem mais interesse nas aula, ele se sente importante e capaz.

Soraia
Visitante
Soraia

Realmente o homem é como uma folha em branco. Está continuamente aprendendo e escrevendo sua história.

Cezar sorrilha.
Visitante
Cezar sorrilha.

eu costumo falar que o aluno vem pronto para desenvolver qualquer trabalho, para que isso aconteça e preciso aproveitar os conhecimento adquirido na sua vivencia.
Mas ele apenas tem 12 anos, esta no sexto ano!
sim! este tem consigo os cuidados familiar coloca em evidencia constantemente o que ele aprendeu junto com a família e premissa que pode ser aproveitado para propagar sua autonomia e conquistar espaço para se projetar. Portanto nada se perde na vida de um estudante.

Nelma
Visitante
Nelma

Excelente o curso!

Maria Renata Martins da Costa
Visitante
Maria Renata Martins da Costa

Excelente iniciativa, isso é algo que de fato ensina pra vida.

Angelica
Visitante
Angelica

O protagonismo sênior é importante para direcionar as práticas dos educadores, inovando as atitudes que outrora, eram as de que apenas um ‘comandava’ as decisões, uma visão equivocada. Educadores precisam entender o seu papel dentro do projeto, evitando tomar para si a tomada de decisões de forma controladora. As práticas esportivas é fundamental para desenvolver a coletividade entre os pares, fazendo-os com que a comunicação e diálogo sejam algo imprescindíveis para o sucesso dos resultados. O velho ditado: a união faz a força, nos faz refletir a prática docente e discente no âmbito escolar. Ambos estão trabalhando em equipe, portanto,… Read more »

Maria Larisse de Oliveira Lima
Visitante
Maria Larisse de Oliveira Lima

Concordo plenamente com as 7 posturas que podem prejudar o desenvolvimento no ambiente escolar, a educação ela depende um pouco de cada coisa como: da família, da docência escolar, da sociedade e das suas próprias opniões. Então é sempre interessante que o professor passe conteúdos e deixe o aluno livre no quesito opinião sobre o assunto e sobre algum conhecimento muito mais além daquilo passado pelo grupo docente, isso é uma construção de conhecimento entre professor e aluno, oq é bastante importante, deixando a aula mais leve, com fácil aprendizado e isso é um toque especial na formação de alunos.

Solange Bailão
Membro
Solange Bailão

Trabalho com Grêmios Estudantis e esse material é muito rico para a formação dos Professores Interlocutores em suas escolas. Já fiz o curso de Orientadores de ALUNOS LÍDERES E RECOMENDO. Parabéns somente material bom essa plataforma.

OLINDA SOUZA
Visitante
OLINDA SOUZA

Segundo Jonhon Locke o homem é uma folha de papel em branco que constroem seus conhecimentos ao longo de seu aprendizado..

Impulsiona
Admin
Impulsiona

Que bonito, Olinda! Obrigado pela inspiração \o\

ANA CAROLINE BARROS DE ABREU
Visitante
ANA CAROLINE BARROS DE ABREU

Muito bom

Saulo Carvalho Silva
Visitante
Saulo Carvalho Silva

Sobre limites.
“O professor estabelece os limites de determinada situação e solicita aos adolescentes que tomem decisões dentro desses limites”.

Permita-me…
Seria, o professor identificar as limitações dos alunos e descobrir formas para vencer as limitações identificadas?